segunda-feira, novembro 08, 2010

Bus

Pessoas em pé
E seus motivos esquecidos
Um calor infernal
E um odor denunciando o podre

Eu não sei se o que morria
Era a pessoa ao meu lado
Ou alguma outra coisa qualquer
Nas entranhas daquele ônibus.

2 Fragmento(s):

Isa disse...

Tanto fazia o que morria, a vida sem se preocupar continuaria.

Essa é a indiferença nociva que contaminou as relações humanas.

Daisy-se disse...

Que infortúnio! rs

Postar um comentário

Fragmente-se e comente...

 

3/4 © 2008. Thanks to Blogger Templates | Design By: SkinCorner