domingo, junho 10, 2012

Passado


Como se eu pudesse ver o universo e suas conexões
Adormeço em estrelas

No centro das constelações sou uma anã negra,
tudo o que você sabe sobre mim é passado.

Do interior à superfície, o espaço.
Tudo o que você vê é passado.
 

3/4 © 2008. Thanks to Blogger Templates | Design By: SkinCorner